2

Eu me rendo!!!

Quando voltamos da região dos lagos, sabia que mais uma vez eu apostaria, mesmo com muito medo me jogaria com tudo e só pedia a Deus que tudo desse certo.Depois de muito pensar e resistir eu o pedi em namoro. Sim é isso mesmo, fui eu quem fez o pedido.
Foi bem diferente e inusitado ele sempre diz que não teve como dizer não. *rsrsrs
Vou ser muito sincera com vocês, o dia certo não sei (sempre fui péssima em datas) mas sei que foi em março.
Até porque mesmo sem eu assumir que estava namorando todo o dia 2 comemorávamos o aniversário do nosso 1º beijo.
Passados 6 meses do dia que nos beijamos a primeira vez, mais uma idéiaconvitepedido daqueles que só ele sabe fazer.
Do nada vem a pergunta:
"O que você acha de ficarmos noivos?"
Na hora fiz aquela cara de.. Hum?! como assim noivos?!
"Calma!!! É mais como uma formalização do nosso compromisso, não quer dizer que iremos nos casar...
...Agora."
Mais uma uma vez o lado racional pediu um tempo pra pensar e tinha medo de tudo aquilo que estava acontecendo.
Mas o lado romântico não resistiu e disse Sim!!!



Então em 16/09/2006 oficializamos nosso relacionamento com uma aliança, e promessas de um futuro bom. 
continua...




**A noiva aqui jura que ainda não tinha caído a ficha do passo que estava dando, mas estava muito feliz!
Lembro de todos os detalhes como se estivesse acontecendo hoje.

0

O Primeiro Reveillon

Olá Fofurinhas, td bem?!
Vamos continuar a historinha? Estão gostando?!

Contei aqui que passamos o Natal separados e então veio o convite inesperado...
"Passa o reveillon comigo?"
"hum?! Onde? com a tua família?!"
"É! Vamos comigo para a região dos lagos, vai ser legal o pessoal lá é animado, você vai gostar..."
Vocês não estão entendendo, não tínhamos nem 1 mês que nos conhecíamos e ele vem com um convite desses, sério não sabia o que fazer e nem responder...
Tinha pouco tempo para pensar e responder, queria muito estar com ele, mas estava apavorada só em pensar que estaria em meio a família dele.
Mas com todo o meu desepero fui, sei que é loucura, mas queria mesmo era estar com ele.
Graças a Deus foi tudo bem e fui muito bem recebido por todos.
Os dias que ficamos lá foi ótimo e ficamos cada vez mais apegados, mais juntos...

Continua...






** A noiva aqui já estava convencida..Era ele!!!

1

Será que vou?!?

Não sabia se deveria ir, as pessoas que me conhecem nem dizem mas sou super tímida, e não sabia se me sentiria bem em meio de pessoas que não conhecia. Pessoas bem diferentes de mim, achei que ficaria deslocada.
Na volta pra casa ainda na sexta feira minha amiga ficou insistindo para que eu fosse, que seria bom pra mim, que respiraria outros ares e conhecia gente nova, era o que eu precisava, mas mesmo assim fiquei insegura.
De manhã segui minha rotina normal de sábado, saí cedo para fazer a unha (a noiva confessa que odeia salão cheio, esperar então... aff!!) só que deixei meu celular em casa, demorei a beça, e quando cheguei em casa tinham 4 chamadas perdidas, não reconheci o número, quando liguei de volta era dele. 
"Alô!"
"Oi Princesa td bem?! E aí decidiu? Vai comigo?!"
"Ahh sei lá! Tem certeza?! É seu trabalho, acho que não tem muito a ver..."
"Claro que tem, é festa. Ficaria muito contente se você me acompanhasse..."
Fiquei calada por uns segundos e decidi.
" Tá bom, me pega onde, a que horas?!
Combinamos tudo e fui me arrumar...
Mais ou menos no horário marcado, cheguei onde havíamos marcado e lá estava ele já me esperando, seguimos até a festa.
Fomos conversando, nos conhecendo mais e mais.
A festa foi ótima e parecíamos que éramos um casal de muito tempo juntos tal qual era nossa afinidade, era até engraçado quando alguém perguntava há quanto tempo estávamos juntos, eu somente ria e não dizia nada!
Foi tudo maravilhoso, ele sempre muito atencioso e carinhoso. Mas isso me dava medo, já tinha sido bastante machucada e não queria de novo.
Os dias se passaram e nos víamos todos os dias, ele sempre dava um jeitinho de me buscar na academia, todos os finais de semana íamos em algum lugar, sempre acontecia algo para que estivéssemos juntos.
Eu via que ele estava bastante envolvido e que queria algo sério, compromisso mesmo, eu apesar de também estar, relutava, e sempre dizia que daquele jeito estava bom.
Ele insistia demais em transformar "aquilo" em namoro, e eu sempre me mantinha na defensiva não aceitando. Tinha vivido uma situação delicada e não estava pronta para apostar de novo, pedia a ele paciência e ia curtindo os momentos.
Não nos desgrudávamos mais, até que chegou  Natal, ele foi com a família para a região dos Lagos e eu fiquei por aqui mesmo.
Nossa... que falta que ele fez, alí caí na real que o queria pra mim.
Ele fez questão de voltar no dia 25, para nos vermos no dia de Natal, e foi o melhor presente que recebi.


Continua...





** Todo mundo já sabia, só a noiva aqui não queria enxergar que já estava namorando e completamente apaixodada..  aaiii... aaiiii (suspiro) rsrsrs

1

Será que foi complô?!?!

E a Sexta chegou!
Por coincidência hoje também é, mas a sexta feira que estou falando é a de 02 de Dezembro de 2005. Como contei aqui estava marcado um choppinho para rever a galera, trabalhei o dia todo ansiosa, quando deu 17h saí do trabalho, o prédio que trabalho fica há mais ou menos 5 minutos de umas das principais vias do centro da cidade e há uns 15 minutos de onde pegaria o ônibus para ir para a Barra.
Não lembro de o tempo estar ruim só que quando eu pisei na Presidente Vargas para atravessar caiu uma chuva, mas daquelas que não avisa antes, ela simplesmente veio e desabou sobre mim. Realizem a cena, a pessoas andando 15 minutos sob uma chuva torrencial, essa sou eu. Quando entrei no ônibus já não tinha mais maquiagem, o cabelo estava totalmente derrotado, ou seja, estava detonada! (detalhe que o dia estava lindo naquela sexta feira, por isso a pessoa sem guarda chuva)
Peguei um congestionamento terrível, passei quase 2 horas dentro do ônibus, em determinado momento o motorista desligou o motor e disse que não tinha previsão de sair dali que estava tudo parado, eu ainda desci super longe e fui caminhando, ainda bem que encontrei uma alma caridosa que me viu parecendo um pintinho molhado me ofereceu carona no guarda chuva. E mesmo depois de todo esse trajeto complicado enfim cheguei!
Liguei para a minha amiga avisando que já estava no shopping mas que precisava desesperadamente muito de um lugar para me ajeitar porque deveria estar com um aspecto péssimo.
E assim foi, nos encontramos e eu fui dar um tapa no visu, para ver o que dava para salvar... rsrsrsrs.
Dei uma ajeitadinha, salvei o que deu (o que não era muito rsrsrs), quando entro na recepção tem uma pessoa completamente jogada no sofá, minha amiga então falou:
"Vanessa esse é o Léo, você lembra dele né?!"
Quando ele levantou eu pensei " Nossa que menino alto!!" eu realmente não lembrava. rs!
Foi que ele me abraçou! Gente! Que abraço foi aquele?! E que menino cheiroso!! Digo até hoje que depois do abraço de Mammy's foi o melhor que já recebi em toda a minha vida.
Lembram que o chopp era com uma galera?! Então... lá descobri que era uma galera de 4 pessoas, Léo, Eu, Cris e Buno - um amigo da Cris. Seeeeiii, mas enfim já estava lá, tinha passado por muitas para chegar, então porque não curtir?! Conversamos muito, quer dizer eles falaram muito, porque não sei o que me deu que eu travei, nem eu estava me reconhecendo.
O Léo sempre muito solicito, educado, atencioso é claro que sentio que estava rolando um clima, mas não queria.
Depois de muito papo e por incrével que pareça eu de ouvinte (até hoje não sei o que me deu), já era tarde e nos preparamos para ir embora.
Fomo até o estacionamento, e antes que eu dissesse qulquer coisa a Cris fala: "A Vanessa vai com o Léo" Hum?! Como assim?! Eu mega sem graça entrei no carro, e o carro tinha um probleminha que precisava de um tempinho para esquentar. Isso foi o que ele disse né?! E nesse tempinho, ele me faz a pergunta mais tosca da face da terra: "Posso te dar um beijo?!" Gente que resposta se dá em uma hora dessas?! Bem,  eu não sabia então fiquei quieta e como quem cala consente... Ele me beijou, e QUE beijo! No trajeto de volta pra conversamos bastante, falei um pouco de mim e ele dele, foi bom conhecê-lo melhor...
No dia seguinte teria uma festa de confraternização do setor dele, e ele me convidou, não sabia se deveria aceitar então disse que falaria com ele no dia seguinte, trocamos telefones e ficou a promessa de talvez sairmos no dia seguinte.


Continua...







*A Noiva aqui não acredita em coincidência. Teria sido aquilo um reencontro?

2

E foi assim....

Oie!!! Vejo em todos os bloguitchos uma sessão "A nossa história" eu sempre pensei ahhhmmm eu tbm quero!! mas sempre adiava, sei lá porque, de repente por nossa história não ser nenhum conto de fadas, ou de encontros e desencontros, ou até mesmo não ser interessante aos olhos dos outros, mas "pra mim" é a história de amor mais linda que existe que que está a pouquinho tempo de dar mais um passo para o "Felizes para Sempre"
Então vamos lá?!?!




§ Em 2005 tinha recentemente me curado de uma "ferida" de amor e estava... vamos dizer... "curtindo todas" não queria compromisso com ninguém, não queria me "apegar". Nessa de curtir todas fui ao Rio Axé 2005, minha primeira micareta (algum tempo depois fui descobrir que seria a única rsrsrsrs). 
Fui com uma amiga e conheci vários de seus amigos e entre eles estava o Léo, lembro que fomos apresentados, fizemos um brinde.. e só!
Curti muito a minha micareta, mas nem lembrava dele.
Quando no dia seguinte, bem cedinho estava on line, aceitei um novo contato no msn e logo em seguida veio: 
" Bom dia!" 
"Bom dia"
"Nossa tão cedo no msn?"
"É, somos dois né?!" (simpááááática)
"E aí, pronta para mais uma micareta?"
Foi aí mq caiu a ficha...
"Léééééééééo!!!! Td bem? Tô sim e vc?"
"Não, não gosto muito... Mas vem cá não sabia q era eu?"
"Não! mas add pra ver quem era, vai q de repente conheço, e viu era você?! rsrsrss"
E por aí foi a conversa, falamos de tudo um pouco, e foi assim o resto da semana,  e confesso que nem lembrava como ele era, só que já o achava suuuper legal, e pra mim já havia sido eleito como amigo.
Engraçado foi que tivemos uma afinidade total, mesmo com tudo diferente, ele é do dia e eu prefiro a noite; não se liga muito em música e eu sou uma trilha sonora completa; adoro uma bagunça, enquanto ele de ficar quietinho; amoooo ter que lidar com gente e ele com máquina; adoro bater perna, ir passear; ele de ficar em casa, eu de dançar e ele... não; Sou palhaça e ele sério (agora tá mudando... rsrsrs). 
Conversa vai e conversa vem, parecia que conversávamos há muito tempo mas não tinha completado nem uma semana, eis que a galera que foi para a micareta marcou de se encontrar e tomar um chopp na sexta daquela semana. 
Combinei então com minha amiga que sairia do trabalho um pouco mais cedo, para chegar no horário marcado, afinal trabalho no centro, nos encontraríamos na Barra e na época não tinha integração do metrô rsrsrsrs.
Como já disse, a.d.o.r.o uma farrinha então estava super entusiasmada para encontrar todos..
Aaiiii sexta que não chega...


Continua...





 ** A noiva aqui confessa que gostava muito do climinha de flerte, mas que não pretendia passar disso.

0

Só notícia boa

Genteeemmmm!
Eu andava mega preocupada porque achava que as coisas não estavam caminhando e porque também tivemos algumas dificuldades, mas graças a Deus as coisas mudaram de rumo e estão tudo indo de vento em polpa...
Passei mesmo só para contar que hoje muita coisa foi resolvida, só que tá um pouco tarde e eu tô mega cansada, mas vou contar tintim por tintim.
Bjs!!!




1

Mudança, novidade e agradecimentos

Olá meus amores, td bem?!
O título está "Mudança, novidade e agradecimento" quero falar de tudo isso hoje porém não necessariamente nessa ordem..rs!
Primeiro quero agradecer as visitinhas que tenho recebido e também aos novos seguidores, fico feliz demais com tudo isso e falar me dá ânimo para continuar, sei que deixo a desejar bastante e que tenho que aprender muito, mas é tanta coisa acontecendo que... Enfim estou me policiando para que minhas vindas aqui sejam cada vez mais frequentes, prometo com beijinho nos dedos e tudo ;)
No caso da novidade ela vem junto com a mudança, vocês lembram que eu contei aqui que não estava muito satisfeita com "O dia de noiva"? Então, mesmo não estando muito "contente" já tinha me conformado, mas ainda tinha uma coisa que me tirava o sono: Não tinha prévia de maquiagem e penteado. (Côôômo?!) Eu já sabia disso desde o começo mas mesmo sabendo ficava apreensiva. Vocês perguntam: Então porque não muda oras? Explico-me: Vocês já ouviram falar em classificação de orçamento?
Exs.:
* Orçamento livre - É aquele que cabe dentro do seu sonho.

* Orçamento quase: É aquele que quase pode ter tudo o que sempre sonhou no Big Day
* Orçamento apertado: É bem parecido com o quase, porém para rolar tem que abrir mão daqueles gastos que pensamos não conseguir viver sem.
* Orçamento apertadíssimo: É aquele que você tem que abrir mão de muuuuita coisa, tanto no dia-a-dia quanto no Big Day,
 * Orçamento 'Corre que ela tá vindo': Preciso falar alguma coisa?! (rsrsrsrs!)
O meu está exatamente classificado como o da última posição, -sinto o excel tremer toda vez que ligo meu note- então tinha que adequar onde teria bons serviços, em local próximo a igreja e com um preço justo, justíssimo. Até que, por causa do meu sapatinho de cristal conheci o espaço Monique Gracielle, um lugar muito agradável, com um atendimento #tdb e o melhor, especializado em noivas. Já tinha visto antes pela net, porém não dava pra mim, eu tinha outras prioriades e essa definitivamente não era uma delas.
Depois de muitos cálculos, inclusões e cortes, o Noivo me chamou para irmos conhecer o espaço, "não custa nada né?! assim disse ele.
Gentem aquilo lá nem parece que está na baixada, um espaço delicioso, com um atendimento carinhoso e totalmente especial, sem contar aquele climinha casamentício que é maravilhoso...
E sabe o que mais?! Agora será lá meu "dia de noiva", confesso que estou radiante, e mega mais calma, porque sem a prévia de make e cabelo, já até tive pesadelos dessa ordem.
Então pessoas, me desculpe ter falado escrito demais hoje, é que precisava contar tudinho.
Beijinhos!!









** A Noiva aqui que nunca foi muito "mulherzinha" não vê a hora de ter um dia inteirinho de frescuritezinhas. hehehe